EX-TUF Brasil, Marcio Pedra finaliza e vence na luta principal do WOCS 46 | Território Tupiniquim

EX-TUF Brasil, Marcio Pedra finaliza e vence na luta principal do WOCS 46

No último sábado, 5, o Hotel Lagheto no Rio de Janeiro recebeu a 46ª edição do Wacth Out Combat Show, um dos mais tradicionais eventos do país. A volta do WOCS para o Rio de Janeiro não poderia ser melhor. Com 13 lutas profissionais de MMA e uma disputa de cinturão na modalidade de submission o evento contou com a casa cheia e um show de lutas.

Valendo o cinturão de submission da organização Lucas Bob Esponja encarou Aloisio Dado. O combate durou os 10 minutos e sem nenhuma pontuação para os atletas o resultado final foi empate, deixando o cinturão sem dono.

Um dos destaques do card preliminar foi o combate feminino entre Duda Cowboyzinha e Alexandre Blauth. O combate começou eletrizante e com trocação aberta, conectando os melhores golpes, Duda acertou duas sequências de jab e direto levando sua adversária à lona, fazendo com que o árbitro central do evento interrompesse o combate.

O co-main event contou com a volta de Antonio Buiu ao cage do WOCS. O atleta da TFT teve pela frente Anderson Resende (Art Fight). Buiu mostrou superioridade no combate e no segundo round do combate conseguiu a vitória por nocaute técnico, reencontrando o caminho da vitória e somando a décima quinta na carreira.

Na luta principal do evento o ex-TUF Brasil Marcio Pedra (TFT) não deu chances para seu adversário Rodivan Gato Guerreiro. Logo no início do round, Pedra colocou seu adversário no chão e foi progredindo de posição até encaixar um katagatame indefensável. Só restou para Gato Guerreiro dar os três tapinhas desistindo do combate.
DSC_0175
Card Principal
Márcio Pedra finalizou Rodivan “Gato Guerreiro” no R1
Antônio Carlos Buiu venceu Anderson Resende por nocaute no R2
Wallace “Lord” Portella finalizou Patrício “Pitbull” Lima no segundo round
Charles Blackout venceu Cláudio Cruz por decisão unânime
Jadison Tita venceu Jefferson Brother por finalização no R1
Jamilson Daduzinho venceu Carlos “Chapolin” por decisão unânime
Roger “Mão de Paralelepípedo” venceu João “Pânico” Carvalho por nocaute no R1

Luta de Submission
Lucas Bob Esponja empatou com Aloisio Dado
Card Preliminar
Luan Pedroso venceu Leandro Vieira por finalização no R1
Eddy Silva venceu Rafael Cacique por decisão unânime
Mateus Brauns venceu Lucas Tenório por decisão unânime
Jansey Jones venceu Danilo Silva por decisão unânime
Duda Cowboyzinha venceu Alexandra Blauth por nocaute técnico no R1
Wilker Gato Branco venceu Junior Orelha por decisão unânime

Veja o momento da vitória de Marcio Pedra no WOCS 46

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: